Notícias

Porto dos Barcos, Itarema – Ceará recebe Nova Missão da Comunidade Filhos de Sião

No ano Jubilar e no mês missionário, a Comunidade Católica Filhos de Sião abre mais uma Casa de Missão

A Comunidade Católica Filhos de Sião tem buscado corresponder ao apelo da Igreja nos mais diversos lugares. Já somos quatro casas de missão fundadas no Baixo Vale Acaraú.

E agora, na Diocese de Itapipoca, na cidade de Itarema-CE,  no distrito de Porto dos Barcos, conta com uma Casa de Missão da Comunidade Católica Filhos de Sião, inaugurada no último domingo (06/08). A cidade recebe quatro missionários do Carisma Filhos de Sião para proporcionarem momentos de oração, adoração, aconselhamento e a germinação do Carisma Filhos de Sião aos povos. Além de realizarem atividades de evangelização e de anúncio do Amor de Deus, organizarem grupos de oração e serviços pastorais.

A Missão Filhos de Sião foi acolhida no dia da Festa da Transfiguração de Nosso Senhor Jesus Cristo, que para nós é o lugar do encontro com Jesus e onde o Pai revela a missão do Filho para nós.

Um caminho a ser trilhado

Durante a missa de acolhida, o Monsenhor Francisco de Assis Oliveira, em sua homília, retratou que acolhe com muita alegria a missão da Comunidade Filhos de Sião. O Padre dizia que toda fundação é marcada por uma cruz. É aos pés da cruz, regado por lágrimas e orações, que o missionário encontra o sustento para seguir a missão.

Ainda acrescentou: “Com a chegada dos missionário aqui na região eu vinha sempre pensando na cruz, em comprar uma cruz bonita para ser a cruz da fundação desta missão. Mas, analisando o nosso acervo, eu entendi que a missão não teria uma só cruz, mas duas cruzes, uma para cada casa. 

A primeira veio de Jerusalém, entalhada em uma casca de oliveira, para recordar a necessidade de nunca esquecer das origens. Quando eu falo de origem, refiro-me àquele primeiro amor da comunidade missionária. Nunca esqueçam da alegria do Evangelho!

Na missão, nós temos que dar o melhor, a excelência de nós. Este segundo crucifixo é o que eu tenho mais apreço. O Cristo com cara de africano, esculpido na raiz de madeira africana, vindo da África. Uma terra permanente de missão. Precisamos sempre estar com o coração voltado para a África que foi uma terra fecunda da fé cristã nos primórdios do Evangelho. Que esse crucifixo diga para vocês Filhos de Sião que o mundo é maior do que o que a gente conhece.

A missão não é algo que a gente escolhe, é algo que Deus chama. Quando nós escolhemos o lugar da missão, ela é nossa. Quando nós vamos para onde Deus nos chama, ela é dEle. E só assim que ela tem sentido!

Que neste dia da Transfiguração de Nosso Senhor Jesus Cristo, ainda coroando o Jubileu de 25 anos da Comunidade Filhos de Sião e com a abertura desta Casa de Missão, vocês possam se unir sempre mais ao Cristo Jesus, morto e ressuscitado para com Ele e somente com ele experimentar as alegrias da vida”.

Ao final da Santa Missa, a Fundadora Vander Lúcia fez agradecimento aos presentes e externou a alegria do seu coração por mais uma Casa de Missão aberta da Comunidade Filhos de Sião. Os presentes tiveram a oportunidade de conhecer a vida do missionário Iago Ronald, que é fruto desta cidade à Comunidade de Vida Filhos de Sião. O missionário ainda proferiu algumas palavras encorajando a todos, e principalmente os jovens, a não terem medo de encontrar o seu lugar na vontade de Deus.

Obrigado, Senhor, pelo “sim” de cada um destes irmãos da Comunidade Filhos de Sião, que deixaram suas casas, seus pais, irmãos, irmãs, amigos, estudos e trabalhos para seguirem a Ti! Que o Senhor vos abençoe de Sião a cada dia de vossas vidas!

 

Da Redação,
Comunidade Católica Filhos de Sião

Conheça nossos autores

Abrir bate-papo
Olá
Podemos ajudá-lo?