VOCACIONAL FILHOS DE SIÃO

Carisma dom de Deus

A palavra “carisma” quer dizer “graça”, sendo uma expressão tão falada no nosso meio, para nós carisma é algo novo na Igreja, nos tempos de hoje. Todo carisma é um dom que Deus concede a alguém para o bem dos homens, para as necessidades do mundo e para a edificação da Igreja.

Este dom, que vamos conhecer, o Senhor achou por bem fecundar numa pessoa, a fim de alcançar muitas outras: o Carisma Filhos de Sião. Assim, é o próprio Deus quem nos presenteia com o carisma, em vista dos homens, porque Ele deseja ver a humanidade feliz. É também um dom em vista das necessidades do mundo, e nunca o mundo precisou tanto de um dom de Deus como nos tempos atuais.

Através de cada carisma o Senhor se faz presente, na multiplicidade de todos eles e no momento presente. Cada carisma faz a Igreja crescer, e a mantém viva! Nós somos muitos Carismas, muitas Novas Comunidades, espalhados por todo Brasil e no mundo, e todos com o mesmo objetivo de edificação do corpo místico de Cristo, para o bem das almas. Não havendo melhores ou piores, pelo contrário, todas são importantes, pois são dom de Deus.

Somos chamados a um Carisma específico

É Deus quem nos chama, porque Ele nos escolhe e tem propósito na vida dos Seus eleitos.

Portanto, o Carisma é uma profecia de Deus. Todos aqueles que se identificam com o Carisma Filhos de Sião é porquê se sentiram chamados por Deus para, com Cristo, viver em função do outro. Isso se dá pelo fato de que o Carisma existe para a salvação do outro, para a edificação do outro, que ele encontre Cristo e seja feliz.

Afinal, não somos filhos de Sião para o nosso próprio bem apenas, mas pelo bem, pela felicidade e pela salvação do outro. Se o Senhor nos inquietou, é porque Ele quer contar conosco na construção da Sua Igreja.

Encontrar um Carisma, uma Vocação é coisa de Deus! É um jeito, uma forma de ser, um estilo de vida. Logo, o Carisma nos dá uma identidade própria, ao mesmo tempo que nos torna um, assemelhando-nos uns com os outros. E assim, vamos construindo a Comunidade Filhos de Sião através do Carisma.

Sendo um estilo de viver, temos, portanto, um jeito específico de rezar, de nos vestir, de celebrar, de nos divertir, de viver a vida fraterna e comunitária.

Como se vive no Carisma Filhos de Sião?

Deixa-se de viver como éramos, por meio da ação do Espírito Santo, para acolher aquilo que Deus quer, pois a partir de agora o Carisma é o que nos conduzirá, dando-nos um jeito próprio, sendo uma “forma divina” para nos tornarmos o que Ele quer.

O segredo de uma Comunidade é o Carisma. Bem como o segredo da nossa felicidade, da nossa oferta de vida, de ser quem somos… É o Carisma! Tudo parte do Carisma, da grande novidade de Deus.

Deus atraiu você, acenou para você para esse novo. E hoje você tem a graça de conhecer e experimentar o Carisma Filhos de Sião. O vocacional é uma oportunidade!

Nosso Carisma é Louvar e Adorar o Amor que não é amado.

Vivemos como almas esposas para louvar e adorar o Amor que “se queixava”, pois não era amado por nós…

O nascimento do Carisma Filhos de Sião

Era julho de 1998, em Marco/CE, já vivíamos sob a graça dos grupos de oração; havíamos recebido o batismo do Espírito Santo, e tendo experimentado Jesus quisemos ousar – com a valentia de Deus –, fugindo de uma festa tradicional que acontecia na cidade, com medo de fraquejar e acabar participando. Éramos muito jovens, e queríamos mostrar que vivíamos a fé!

Encorajados, seguimos para Meruoca/CE, numa longa viagem, com vários problemas… E na tarde do dia seguinte, mesmo cansados e fatigados, iniciamos o retiro para o qual nos propusemos a ir. Durante a adoração, após a pregação, foi partilhado um trecho da vida de São Francisco. O ministrante contou que estava o santo andando pelo bosque, meditando a Paixão do Senhor, e chorava desconsoladamente, pois percebia o grande amor de Deus por ele. Um camponês passa e percebe, questiona o que há, e Francisco revela: “o Amor não é amado”. Aquele que não tinha nenhum pecado, que foi humilhado, entregou-Se na cruz por amor a nós!

Numa atitude livre, naquele retiro ouvindo o relato de São Francisco, levantamos e fomos a Jesus, e eu particularmente disse a Ele: “Estou disposta a dar a minha vida por Ti, de hoje em diante Você não será mais abandonado ou esquecido, porque eu vou Te amar”… Daí nasceu a Comunidade Filhos de Sião! Nós existimos, a partir de então, para amar o Amor que não é amado, damos nossas vidas para amar Aquele que é o Amor. Embora sejamos fracos e pecadores, Ele nos chama: vem Me amar!

É o Senhor quem lhe revela isso hoje. E aí? Você vai ficar de braços cruzados? Qual é a sua decisão?

Alguém chama…

Quando o Senhor nos interpela, nos chama, Ele espera de nós uma decisão, uma resposta. Ainda que seja difícil, é uma luta prazerosa… Quanto mais amamos, mais temos vontade de amar! Quanto mais descobrimos os desígnios de Deus, mais temos vontade de nos aventurarmos em Sua santa vontade! E toda essa aventura findará quando estivermos face a face com Ele, e O contemplaremos tal como Ele é.

O convite é de um novo jeito de ser; a uma alegria que o mundo não pode nos dar; a uma satisfação completa de vida… Vemos tantos caminhando a se mutilarem, tudo isso porque lhes falta a essência, que é Jesus. Falta conhecer e experimentá-Lo! Quem O conhece tem prazer de viver, apesar das dificuldades, pois Ele está conosco.

Em Seu plano de amor, o Senhor nos levou a uma alta montanha – que nas Escrituras significa o lugar de encontro com Deus, a serra da Meruoca para colocar em nós Sua vontade, o Seu dom, o Carisma Filhos de Sião. Saímos daquele retiro verdadeiramente apaixonados! Com um norte para viver, um novo rumo para as nossas vidas, um desígnio certo: amar o Amor que não é amado.

Não chegamos aqui por acaso, o Senhor quer nos afeiçoar ao Carisma Filhos de Sião… Para nos fazer feliz, e para fazer outros felizes!

Nosso Carisma é regido pelo Evangelho

Vejamos São João 4, 1-34. É o Evangelho que rege o nosso Carisma. Narra o encontro de Jesus com a samaritana, Ele se encontra com uma pecadora, num tempo o qual os judeus e os samaritanos não se comunicavam. Naquele momento, Jesus quer dar a ela a água que jorra para a vida eterna, e o mesmo Ele quer dar a cada um de nós. O que Cristo tem para nos dar é a vida plena aqui na terra, feliz e o prêmio da vida eterna.

Todos os filhos de Sião são também os coxos, surdos, mendigos e aleijados que o Senhor mandou buscar para o Seu festim (cf. Lc 14, 21s). O Senhor nos chama, não porque somos os melhores, mas porque somos necessitados d’Ele, e nos trouxe para perto de Si, e nos revestiu de roupas novas, calçados nos pés, anel no dedo (cf. Lc 15, 22s). Assim, saímos da condição anterior para nos tornar filhos – e filhos muito amados!

Deus tem algo especial para nós! Ele apresenta o Carisma Filhos de Sião, cabendo a cada um de nós rezar com esse dom, e responder que também quer amar o Amor que não é amado, ou permanecer na vida pequena, curta e miserável… Mas com Deus, essa vida é honrosa, é digna, cheia de brilho, de glória: é eterna! Bendito seja Deus.

 

Vander Lúcia Menezes Farias
Fundadora, Consagrada na Comunidade de Vida com Promessas definitivas

Conheça nossos autores

Abrir bate-papo
Olá
Podemos ajudá-lo?